I MXA Fan Expo traz o campeão do UFC José Aldo e a lenda do MMA Maurício Shogun Rua

O MMA Brazucas marcou presença ontem no Shopping Center Recife onde aconteceu o I MXA Fan Expo, organizado pelos sócios Max Carvalho e Avelar Sampaio, o evento trouxe a lenda do MMA e sempre solícito Maurício "Shogun" Rua, campeão do Pride FC, melhor evento de MMA que já existiu e Ex-Campeão do UFC, e a sensação do momento, o atual campeão da categoria até 66kg do UFC, José Aldo Junior. O Jiu Jitsu não foi esquecido no evento e quem comandou a arte suave foi José Olímpio, conhecido como Zé Radiola, que junto com seu filho Guilherme Rocha, supervisionou o seminário dado por seu prodígio filho.

Com uma bela estrutura no quarto piso do estacionamento do Shopping Center Recife, todos os seminários estavam cheios de praticantes para todas as modalidades. Pela manhã, Zé Radiola liderou o seminário de Jiu Jitsu e na sequência seu filho Guilherme ministrou seminário da arte suave para a criançada sob os olhos de seu pai.

A tarde Maurício Shogun ministrou seminário de MMA avançado mostrando os golpes que o consagraram campeão do Pride e no UFC, com domínio em sua origem na base em pé. Para aqueles que se inscreveram para o seminário para iniciantes no Shogun, estes ganharam um presente. Minutos antes de inciar o seminário, Maurício Shogun recebeu o campeão José Aldo e juntos ministraram um seminário especial para aqueles que estavam inscritos em módulos diferentes.

Numa didática excepcional, José Aldo e Maurício Shogun ensinaram sequências eficazes para todos os atletas que estavam ali presentes lotando completamente todo o espaço, que entre jornalistas e fãs do MMA admiravam todos os movimentos.

Entre um seminário e outro, Mauricio Shogun e José Aldo respondiam perguntas dos atletas participantes do evento. Os jornalistas tiveram seus momentos de perguntas e respostas. Ambos palestrantes nunca estiveram em Recife e falaram que adoraram a recepção do público, mas que não querem conversa em tomar banho no mar cheio de tubarões. Questionado sobre aposentadoria, Shogun informou que não passa por sua cabeça essa possibilidade, garantindo que luta por prazer, pois não tem que provar nada pra ninguém, e quem conhece seu legado sabe disso. José Aldo apesar de estar focado para sua próxima luta, a revanche contra o americano Chad Mendes, ainda pensa em lutar na categoria acima com o atual campeão Anthony Pettis, mas que se vier a acontecer, somente no próximo ano e quem sabe num UFC no Amazonas, sua terra natal. Em breve colocaremos trechos da coletiva em vídeo com ambos palestrantes.

Quem também marcou presença no evento foi pernambucano atleta do UFC Raphael Assunção, que em visita a sua terrinha, não poderia deixar de marcar presença na I MXA Fan Expo.

A MXA Sports vem fazendo um belíssimo trabalho na divulgação de sua marca e com isso agregando valores para os conterrâneos trazendo campeões consagrados das maiores organizações de MMA mundial como o mito Wanderlei Silva, o campeão peso galo do UFC Renan Barão, e agora outra lenda do MMA Maurício Shogun Rua e o campeão peso pena José Aldo.

Veja a seguir as fotos do I MXA Fan Expo:


Canal Combate com as melhores lutas exclusivas em dezembro

Dezembro vem com muita ação no canal Combate, com três edições do UFC e lutas de alguns dos maiores ídolos brasileiros na organização, feras como Anderson Silva, Maurício Shogun e Antonio Pezão. Só o assinante do Combate vai conferir ao vivo três disputas de cinturão e 11 atletas brasileiros em ação, num total de 36 lutas no Octógono, com destaque para a revanche entreAnderson Silva e Chris Weidman, no dia 28, ao vivo só no canal de lutas.

O peso pesado Antonio Pezão e o ex-campeão meio-pesado Maurício Shogun já estarão em ação nesta sexta-feira, direto da Austrália. O UFC Fight Night no Combate - Pezão x Hunt também terá a participação dos tupiniquins Caio Monstro, Bethe Correia e Bruno Carioca. A transmissão no Combate tem início às 21h30min.

No dia 14, direto de Sacramento (EUA), o UFC Fight Night no Combate – Johnson x Benavidez traz a disputa do cinturão peso mosca entre Demetrious Johnson e Joseph Benavidez. Um dos principais representantes brasileiros no peso leve, Edson Barboza encara Danny Castillo num card que ainda conta com feras como Urijah Faber, Carlos Condit e Chad Mendes.

Já o tradicional evento de fim de ano do UFC, no dia 28 de dezembro, traz a aguardada revanche entre Anderson Silva e o atual campeão peso médio Chris Weidman, ao vivo só no canal Combate. Anderson Silva promete trazer de volta o cinturão para o Brasil, além de devolver a derrota sofrida em julho, quando acabou nocauteado pelo americano. Para não perder nenhum lance da luta mais importante de 2013, a equipe do canal Combate vai estar in loco, em Las Vegas, numa cobertura exclusiva para os assinantes. O UFC 168 – Weidman x Silva também conta com a disputa do cinturão feminino entre Ronda Rousey e Miesha Tate e a participação no Octógono dos brasileiros Fabricio Morango, Diego Brandão, Gleison Tibau e William Patolino.

Mantendo a tradição de trazer o melhor do MMA, dezembro no canal Combate também conta com a transmissão ao vivo das principais organizações nacionais. Jungle Fight, Coliseu, Nitrix, Golden Fighters, WOCS e Shooto terão os maiores talentos brasileiros em ação.

Confira todos os eventos e lutas do UFC transmitidos em dezembro no canal Combate:

UFC FIGHT NIGHT NO COMBATE - HUNT X PEZÃO AO VIVO
DATA DE EXIBIÇÃO: SEXTA, 06 DE DEZEMBRO DE 2013
HORÁRIO: A PARTIR DAS 21:30
LOCAL: BRISBANE ENTERTAINMENT CENTER, AUSTRALIA

Antonio Pezão (brasileiro) x Mark Hunt
Mauricio Shogun (brasileiro) x James Te Huna
Ryan Bader x Anthony Perosh
Soa Palelei x Pat Barry
Dylan Andrews x Clint Hester
Alex Caceres x Mitch Gagnon
Bethe Correia (brasileira) x Juile Kedzie
Takeya Mizugaki x Nam Phan
Caio Monstro (brasileiro) x Nick Ring
Richie Vaculik x Justin Scoggins
Bruno “Carioca” Santos (brasileiro) x Krzysztof Jotko
Ben Wall x Alex Garcia

UFC FIGHT NIGHT NO COMBATE - JOHNSON X BENAVIDEZ AO VIVO
DATA DE EXIBIÇÃO: SÁBADO, 14 DE DEZEMBRO DE 2013
HORÁRIO: A PARTIR DAS 18:30
LOCAL: SLEEP TRAIN ARENA, SACRAMENTO - EUA

Disputa do Título dos Pesos Moscas

Demetrious Johnson x Joseph Benavidez
Urijah Faber x Michael McDonald
Carlos Condit x Matt Brown
Chad Mendes x Nik Lentz
Ryan LaFlare x Court McGee
John Dodson x Scott Jorgensen
Edson Barboza (brasileiro) x Danny Castillo
Joe Lauzon x Mac Danzig
Bobby Green x Pat Healy
Abel Trujillo x Roger Bowling
Sam Stout x Cody McKenzie
John Moraga x Darren Uyenoyama

UFC 168 - WEIDMAN X SILVA 2 AO VIVO
DATA DE EXIBIÇÃO: SÁBADO, 28 DE DEZEMBRO DE 2013
HORÁRIO: A PARTIR DAS 21:30
LOCAL: MGM GRAND ARENA, LAS VEGAS - EUA

Disputa do Título dos Pesos Médios

Anderson Silva (brasileiro) x Chris Weidman

Disuputa do Título dos Pesos Galos Feminino

Ronda Rousey x Miesha Tate
Travis Browne x Josh Barnett
Fabricio Morango (brasileiro) x Jim Miller
Diego Brandão (brasileiro) x Dustin Poirier
Chris Leben x Uriah Hall
Gleison Tibau (brasileiro) x Michael Johnson
Dennis Siver x Manny Gamburyan
John Howard x Siyar Bahadurzada
William Patolino (brasileiro) x Bobby Voelker
Robbie Peralta x Estevan Payan.


UFC Shogun x Sonnen: especialistas do Combate analisam desafios

Só o canal Combate transmite ao vivo, neste sábado, o confronto entre o brasileiro Maurício “Shogun” Rua e o americano Chael Sonnen, luta principal do UFC Fight Night Combate – Shogun x Sonnen, em Boston. O sinal ao vivo começa a partir das 17h, com a pré-hora do evento. A narração será de Rhoodes Lima, com comentários de Luciano Andrade e Kyra Gracie. Nesta sexta-feira, a partir das 16h30min, o canal Combate abre seu sinal ao vivo para a pesagem do evento.

Ex-campeão meio-pesado do UFC, Maurício Shogun vai ter pela frente o maior inimigo dos lutadores brasileiros, Chael Sonnen. Durante a semana, o americano não poupou Shogun e outros lutadores tupiniquins em suas tradicionais provocações, o que aqueceu bastante os ânimos para o desafio. Narrador e comentarista do canal Combate no evento, respectivamente, Rhoodes Lima e Luciano Andrade opinam sobre o confronto:

“Maurício Shogun deve tomar cuidado com o wrestling do Sonnen e pôr toda sua experiência na trocação em prática. Fiquei sabendo que ele está com o boxe afiado, mãos pesadas e melhor condicionado fisicamente para este combate. Andou treinando até nas areias das praias de Niterói. Uma vitória convincente sobre Chael Sonnen no próximo sábado é de suma importância na atual fase da carreira do Shogun”, diz.

Luciano também chama a atenção sobre a cautela com as quedas, a melhor arma de Sonnen.

“Sonnen só ganha se amarrar muito. Shogun é o favorito, pois é melhor na trocação e também no chão. Bem melhor na verdade... O Sonnen só é melhor na parte de quedas. Ao contrário da maioria, não acho que o brasileiro vai ganhar por nocaute. Acho que ele vai ser derrubado e vencerá no chão. É claro que tudo vai por água abaixo se o brasileiro não estiver bem de gás. E isso o Sonnen vai estar.”

Além de Shogun, o UFC Fight Night Combate ainda traz mais dois brasileiros ao Octógono. Yuri “Marajó” Alcantara vai ter pela frente o ex-campeão do WEC Urijah Faber. Já o campeão do reality show “The Ultimate Fighter 14”, Diego Brandão, busca a terceira vitória seguida contra o perigoso Daniel Pineda.

“Yuri Marajó tem, neste sábado, a oportunidade de subir alguns degraus na divisão dos galos. É outro brasileiro que tem que tomar cuidado com a luta agarrada de um americano. Todos sabem do potencial ofensivo do Faber, do gás, ataca o tempo todo, se entrega pro combate e é muito experiente. Mas nosso Marajó é um guerreiro, lutador duríssimo e está buscando um lugar ao sol. Tem tudo pra ser um duelo daqueles de tirar o fôlego”, comenta Rhoodes.

“Faber e Marajó vai ser um lutaço. É difícil saber qual estratégia cada um vai usar. É luta dura, mas Faber é levemente favorito. Acho que ele vai tentar manter a luta em pé pra ganhar na trocação, mas, se tiver brecha, vai botar pra baixo para ficar trabalhando as cotoveladas. Vale lembrar que o Marajó está voando na categoria e, se ganhar, despontará como candidato ao cinturão”, diz Luciano.

O UFC Fight Night Combate – Shogun x Sonnen ainda traz o confronto dos pesos pesados Alistair Overeem e Travis Browne num total de 13 lutas.

CARD PRINCIPAL – 21h00min

Maurício Shogun x Chael Sonnen

Alistair Overeem x Travis Browne

Yuri Alcantara x Urijah Faber

Mike Pyle x Matt Brown

Uriah Hall x John Howard

CARD PRELIMINAR – 17h30mi (17h pré-hora)

Joe Lauzon x Michael Johnson

Brad Pickett x Michael McDonald

Max Holloway x Conor McGregor

Mike Brown x Steven Siler

Diego Brandão x Daniel Pineda

Manny Gamburyan x Cole Miller

Cody Donovan x Ovince St. Preux

Ramsey Nijem x James Vick

O canal Combate é a emissora oficial do UFC no Brasil, primeiro canal em todo o mundo com 24h de programação dedicadas às artes marciais, comercializado pelas operadoras de TV por assinatura NET, SKY, Oi TV, Claro TV, GVT e Viacabo.

Site - www.combate.com
Facebook - www.facebook.com/canalcombateoficial
Twitter - @canalCombate


UFC 161: Jornal confirma Dan Henderson vs Rashad Evans e Mauricio Shogun vs Rogério Minotouro

Por Eduardo Cruz

O site do jornal USA Today confirmou dois confrontos de alto nível no UFC 161, que será realizado no dia 15 de junho, no Canadá. Os ex-campeões meio-pesados Dan Henderson e Rashad Evans se enfrentarão com o objetivo de voltarem a figurar entre os principais concorrentes ao cinturão da categoria até 93kg. Ambos os atletas foram derrotados nas últimas apresentações mas ocupam posição de destaque no Ultimate Fighting Championship.

O outro combate reúne Maurício Shogun e Rogério Minotouro em uma das revanches mais aguardadas das artes marciais mistas. Os brasileiros travaram um clássico do esporte quando ainda atuavam no PrideFC, no Japão, e o curitibano levou a melhor na decisão dos juízes.

Dos quatro, apenas Minotouro vem de vitória. O atleta da Team Nogueira derrotou Evans na última vez em que entrou no octógono, em fevereiro, e havia superado Tito Ortiz em outubro de 2011, com uma sequência de cotoveladas disparadas no corpo do badboy americano.

Pergunta aos leitores do blog: Quais serão os vencedores desses dois duelos?

Fonte: http://terramagazine.terra.com.br/mmamanoamano/blog/2013/03/05/jornal-confirma-hendo-vs-evans-e-shogun-vs-minotouro-no-ufc-161/


UFC On Fox 5: Ben Henderson impecável sobre Nate Diaz, Mauricio Shogun e BJ Penn perdem

Nem o mais otimista fã do UFC apostaria que o evento promovido há pouco seria um dos melhores do ano, mas foi. Apesar de não ter sido uma noite recheada de astros, todos os duelos foram emocionantes. A luta que fechou a noite foi vencida pelo campeão dos leves Bem Henderson que manteve o cinturão depois de atropelar Nate Diaz por cinco rounds. A vitória se deu por pontos. O jiu-jitsu e o boxe de Diaz não ameaçaram o campeão nem por um segundo.

O sonho do curitibano Maurício Shogun de ter mais uma chance contra o campeão meio-pesado Jon Jones ficou distante. Horas atrás, ele foi superado em todos os três rounds pelo sueco Alexander Gustafsson e saiu bastante avariado do octógono montado em Seattle, nos Estados Unidos. O lutador europeu se credenciou a disputar o cinturão contra o vencedor de Jon Jones (campeão) vs Chael Sonnen (desafiante), mas não sabe se fará mais uma luta antes de brigar pelo título.

A lenda viva havaiana BJ Penna voltou ao UFC depois de anunciar aposentadoria, mas saiu do evento desta noite direto para o hospital com a suspeita de ter quebrado duas costelas. Ele foi trucidado pelo destemido canadense Rory MacDonald que tinha prometido uma surra épica no “velho” BJ. Depois da vitória, Rory chamou BJ de herói e disse que não pretende enfrentar o amigo e compatriota Georges ST Pierre, atual campeão da divisão dos meio-médios.

O pernambucano Raphael Assunção alcançou três vitórias seguidas no UFC com uma vitória por pontos contra o americano Mike Easton e agora figura entre os principais pesos galos do MMA.

Vale registrar que Scott Jorgensen faturou prêmio de melhor finalização e melhor luta da noite, junto com John Albert. Yves Edwards ganhou bônus por nocaute do evento. Cada um deles ficou 65 mil dólares mais rico.

Resultados:

Ben Henderson venceu Nate Diaz por decisão unânime dos jurados
Alexander Gustafsson venceu Maurício Shogun por decisão unânime dos juízes
Rory MacDonald venceu BJ Penn por decisão unânime dos juízes
Matt Brown venceu Mike Swick por nocaute no segundo round
Yves Edwards venceu Jeremy Stephens por nocaute no primeiro round
Raphael Assunção venceu Mike Easton por decisão unânime dos juízes
Ramsey Nijem venceu Joe Proctor por decisão unânime dos juízes
Daron Cruickshank venceu Henry Martinez por nocaute no segundo round
Abel Trujillo venceu Marcus Levesseur por nocaute técnico no segundo round
Dennis Siver venceu Nam Phan por decisão unânime dos juízes
Scott Jorgensen venceu John Albert por finalização no primeiro round

Fonte: http://oglobo.globo.com/blogs/mma/
Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images 


UFC on Fox 5: Mauricio Shogun segue como zebra contra Alexander Gustafsson no evento deste sábado

Neste sábado está agendado o UFC on Fox 5 no KeyArena em Seattle, Estados Unidos, marcando a 5ª parceria do UFC com a Rede Fox.

O brasileiro Mauricio Shogun terá pela frente a sensação sueca Alexander Gustafsson, em mais um compromisso de meio-pesados (até 93 kg).

Shogun - que já foi campeão do Pride GP 2005 e do UFC 113 - leva 21 vitórias  e 6 derrotas, vindo de nocaute sobre o americano Brandon Vera na luta principal do UFC on Fox 4 no dia 04 de agosto. Por outro lado, Gustafsson é um perigoso trocador, tendo 14 vitórias e somente uma derrota na carreira, sendo que em seu último combate, acabou superando o brasileiro Thiago Silva no UFC Suécia no dia 14 de abril.

Segundo a agência de apostas Betus, o sueco é o favorito e está “- 230 ″, ou seja, o apostador que acreditar no oponente do brasileiro terá de desembolsar 230 dólares e no caso de vitória, receberá 100 dólares e mais os 230 dólares apostados. Já Shogun é  ”zebra” e está ” + 180″ ou seja, o apostador que acreditar  no ex-campeão do Pride e UFC receberá 180 dólares a cada 100 dólares apostados.

O duelo promete ser parece e muito disputado, mas se Shogun estiver na ponta dos cascos deverá vencer por nocaute ou finalização.

Card Principal

Leves Estados Unidos Ben Henderson (c) vs. Estados Unidos Nate Diaz Pelo Cinturão do Peso Leve
Meio Pesados Brasil Maurício Shogun vs. Suécia Alexander Gustafsson
Meio Médios Estados Unidos BJ Penn vs. Canadá Rory MacDonald
Meio Médios Estados Unidos Mike Swick vs. Estados Unidos Matt Brown
Card Preliminar (FX)
Leves Bahamas Yves Edwards vs. Estados Unidos Jeremy Stephens
Galos Brasil Raphael Assunção vs. Estados Unidos Mike Easton
Leves Estados Unidos Ramsey Nijem vs. Estados Unidos Joe Proctor
Leves Estados Unidos Daron Cruickshank vs. Estados Unidos Henry Martinez
Leves Estados Unidos Tim Means vs. Estados Unidos Abel Trujillo
Penas Alemanha Dennis Siver vs. Estados Unidos Nam Phan
Card Preliminar (Facebook)
Galos Estados Unidos Scott Jorgensen vs. Estados Unidos John Albert

Fonte: http://wp.clicrbs.com.br/nomundodaslutas/2012/12/05/shogun-segue-como-zebra-no-ufc-deste-sabado/?topo=13,1,1,,10,13


UFC on Fox 5: Shogun segue como zebra no UFC de dezembro

O UFC on Fox 5  está agendado para o dia 08 de dezembro no KeyArena em Seattle, Estados Unidos, marcando a 5ª parceria do UFC com a Rede Fox.

O brasileiro Mauricio Shogun terá pela frente a sensação sueca Alexander Gustafsson, em mais um compromisso de meio-pesados (até 93 kg).

Shogun - que já foi campeão do Pride GP 2005 e do UFC 113 - leva 21 vitórias  e 6 derrotas, vindo de nocaute sobre o americano Brandon Vera na luta principal do UFC on Fox 4 no dia 04 de agosto. Por outro lado, Gustafsson é um perigoso trocador, tendo 14 vitórias e somente uma derrota na carreira, sendo que em seu último combate, acabou superando o brasileiro Thiago Silva no UFC Suécia no dia 14 de abril.

Segundo a agência de apostas Betus, o sueco é o favorito e está “- 210 ″, ou seja, o apostador que acreditar no oponente do brasileiro terá de desembolsar 210 dólares e no caso de vitória, receberá 100 dólares e mais os 210 dólares apostados. Já Shogun é  ”zebra” e está ” + 165″ ou seja, o apostador que acreditar  no ex-campeão do Pride e UFC receberá 165 dólares a cada 100 dólares apostados.

O duelo promete ser parece e muito disputado, mas se Shogun estiver na ponta dos cascos deverá vencer por nocaute ou finalização.

Fonte: http://wp.clicrbs.com.br/nomundodaslutas/2012/11/24/mauricio-shogun-segue-como-zebra-no-ufc-de-dezembro/?topo=13,1,1,,10,13


UFC on Fox 4 Vídeos: Assista Shogun vs Vera, Machida vs Bader e demais lutas

Ontem aconteceu o UFC on Fox 4 e como luta principal da noite, Maurício Shogun enfrentou Brandon Vera e a segunda luta principal da noite, Lyoto Machida enfrentou Ryan Bader. Os brasileiros Wagner "Caldeirão", aquele lutador que apareceu no Caldeirão do Hulk algum tempo atrás e fez sua estreia no UFC, e o Rany Yahya que lutaram no card preliminar.

Abaixo seguem os vídeos das lutas. Não deixem para depois pois em breve, os vídeos serão removidos dos servidores.

UFC on FOX 4: Shogun x Vera

CARD PRINPAL

      CARD PRELIMINAR

  • Nam Pham vs Cole Miller (vídeo ainda não encontrado)
  • Phil Davis vs Wagner "Caldeirão" Prado [Veja aqui]
  • Rani Yahya vs Josh Grispi [Veja aqui]
  • Phil De Fries vs Oli Thompson [Parte 1, Parte 2]
  • Manny Gamburyan vs Michihiro Omigawa [Parte 1, Parte 2]
  • John Moraga vs Ulysses Gomez [Veja aqui]

UFC on FOX 4: Shogun vence, Machida dá show e é o próximo desafiante ao título

Show brasileiro no Staples Center em Los Angeles, California, EUA onde decidiu novo desafiante ao título dos meio-pesados do UFC a enfrentar  Jon Jones e Dan Henderson, pelo UFC 151, em Las Vegas, que medem forças no dia 1º de setembro. Lyoto Machida dá show e nocauteia Ryan Bader com facilidade já  Shogun sofre pra vencer Brandon Vera. Antes do evento deste sábado, o presidente do UFC, Dana White, havia dito que o vencedor que mais impressionasse da luta entre Shogun e Vera ou Lyoto Machida e Ryan Bader teria uma chance de disputar o cinturão dos meio pesados contra o melhor de Jon Jones (atual campeão) e Dan Henderson.

Lyoto fez o Con-Main Event da noite e levou a melhor nesse “title shot”. O The Dragon foi mais contundente neste sábado, controlou seu combate e conseguiu triunfar por nocaute técnico no segundo round e após a luta White confirmou que Machida terá uma nova chance pelo cinturão. Com seu tradicional jogo de manter a distância e atuar no contra-ataque, Lyoto travou a empolgação de Bader no começo do combate. Firme na defesa, o brasileiro soltou alguns bons chutes frontais no corpo do oponente, mas não fez muito mais do que isso. Bader, por sua vez, não conseguiu chegar nele e ainda levou uma joelhada na linha de cintura. No finalzinho, Lyoto ensaiou alguns movimentos com as mãos no mesmo estilo de Anderson Silva e irritou o americano, que errou um cruzado por pouco, e no contra-golpe, Lyoto acertou um direto que apagou Bader, aí foi só alegria. Lyoto consegue um lindo nocaute empolgando o chefão Dana White que o escolheu como o próximo desafiante ao título.

“O Dragão está de volta!” – comemorou Lyoto Machida após o combate

No combate principal da noite, Shogun começou bem, mas cansou no combate, onde deixou os os golpes ficaram menos potentes quando chegaram ao quarto round. Shogun acertou um bom gancho de direita. Mas foi no minuto final que ele partiu para cima de vez, acertou uma sequência de socos e derrubou Brandon Vera que não conseguiu se defender. O árbitro Herb Dean, então, interrompeu a luta com 4m09s.

“Desculpa, pessoal. Mas eu vou provar que sou melhor no futuro. Com certeza eu sei que posso ser melhor, eu sei que podia dar meu melhor. Dei meu máximo e conseguiu meu principal objetivo, que é a vitória”, disse Shogun ainda no octógono

Wagner Caldeirão emociona em luta sem resultado.

A revelação brasileira, estreante no maior evento de MMA do mundo, Wagner Caldeirão emocionou os fãs no show. Wagner começou bem o combate, mostrou respeito pelo rival e não partiu para cima logo de cara. Ele quis se manter em pé e evitar o jogo de wrestling de Phil Davis. Mas em um incidente Davis acertou o dedo no olho esquerdo do brasileiro. Caldeirão acusou o golpe na hora e foi para o canto. O médico foi até ele e constatou um sangramento no local. Caldeirão, então, afirmou que “estava vendo dois”, e foi aí que o árbitro resolveu encerrar o combate. O duelo foi mesmo encerrado e foi anunciado como “sem decisão”. Quando o juiz sinalizou com as mãos, Caldeirão se desesperou e gritou bastante, talvez achando que havia perdido, enquanto chorava de decepção, dizia que tinha condições de lutar.  ”Eu posso lutar, eu posso lutar” gritava Caldeirão

Outro brasileiro no evento foi Rani Yahya, ele mediu forças contra Josh Grispi e não tomou conhecimento do seu adversário no solo.  o brasileiro fez valer seu domínio no jiu-jítsu e mostrou porque das dezesseis vitórias que teve na carreira até a luta de hoje, 14 foram por finalização. Com um estrangulamento na posição norte-sul, Rani chegou a vitória aos 3m15s do primeiro round.

Prêmios da noite:

Lauzon x Varner levou o bônus de luta da noite. Lauzon também faturou a finalização da noite, já o nocaute da noite foi para Mike Swick. Cada um levou pra casa 50 mil.

UFC on FOX 4: Shogun x Vera

      CARD PRINPAL

  • Mauricio Shogun venceu Brandon Vera por nocaute técnico aos 4m09s do 4º round.
  • Lyoto Machida venceu Ryan Bader por nocaute a 1m32s do 2º round.
  • Joe Lauzon venceu Jamie Varner por finalização (triângulo) aos 2m44s do 3º round.
  •  Mike Swick venceu DaMarques Johnson por nocaute a 1m20s do 2º round.

      CARD PRELIMINAR

  • Nam Pham venceu Cole Miller por decisão dividida
  • Phil Davis x Wagner Caldeirão: no contest (luta sem resultado)
  • Rani Yahya venceu Josh Grispi por finalização (estrangulamento norte-sul) aos 3m15s do 1º round
  • Phil De Fries venceu Oli Thompson por finalização (mata-leão) no 2º round
  • Manny Gamburyan venceu Michihiro Omigawa por decisão unânime
  • John Moraga  venceu Ulysses Gomez  por nocaute aos 3m46s do primeiro round.

Fonte: http://newsmma.wordpress.com/
Foto: UFC/Getty Images 


Antes dos desafios, Combate relembra lutas de Shogun, Lyoto e Rani

Por Carlos Eduardo Ozório

O Combate transmite neste sábado, com exclusividade, a partir das 17h45min, as emoções do UFC – Rua vs Vera. Na principal luta da noite, ex-campeão da organização, o brasileiro Maurício “Shogun” Rua encara o americano Brandon Vera. A transmissão será feita pelo narrador Rhoodes Lima, com comentários de Luciano Andrade.

 

O vencedor do desafio deverá ter a chance pelo cinturão de meio-pesados, hoje com o americano Jon Jones, segundo informou o presidente do UFC, Dana White. Jones defenderá seu título no dia 1º de setembro, contra Dan Henderson, luta que também vai ser transmitida pelo Combate. Quem for melhor no desafio principal deste sábado encara o vencedor do confronto entre Jones e Henderson pelo título.

 

No entanto, a torcida brasileira vai vibrar muito mais neste fim de semana. Além de Shogun, o ex-campeão Lyoto Machida vai ter o perigoso Ryan Bader, dos Estados Unidos, pela frente. Completando o time brazuca no card, o estreante em UFCs Wagner Caldeirão enfrenta o americano Phil Davis, enquanto Rani Yahya encara Josh Grispi.

 

Para aquecer a torcida antes da noite de ótimos desafios, o Combate exibe, nesta quarta-feira, uma seleção de lutas com algumas das feras em ação no Octógono em eventos nacionais. No programa “Combate Brasil”, a partir das 23h, Shogun, Lyoto e Rani tomam conta da programação.

 

O assinante vai poder conferir:

 

Maurício Shogun vs Rafael Capoeira

Maurício Shogun vs Angelo Tilapia

Maurício Shogun vs Evangelista Cyborg

Lyoto Machida vs Stephan Bonnar

Lyoto Machida vs Dimitri Wanderley

Rani Yahya vs Fredson Paixão

 

Confira o card do UFC – Rua vs Vera

 

Mauricio Shogun (brasileiro) vs Brandon Vera

Lyoto Machida (brasileiro) vs Ryan Bader

Joe Lauzon vs Jamie Varner

Mike Swick vs Damarques Johnson

Cole Miller vs Nam Phan

Wagner Caldeirão (brasileiro) vs Phil Davis

Rani Yahya(brasileiro) vs Josh Grispi

Phil de Fries vs Oli Thompson

Manny Gamburyan vs Michihiro Omigawa

Ulysses Gomez vs John Moraga

www.combate.com

www.facebook.com/canalcombateoficial

www.twiter.com/canalcombate

Sobre o canal Combate 

O Combate é referência na televisão brasileira quando o assunto é arte marcial, o primeiro canal em todo o mundo com uma programação de 24h voltada à luta. Criado em 2002, produzido pela Globosat e comercializado pelo sistema a la carte, conta com uma equipe especializada de comentaristas, narradores e apresentadores.

O canal exibe ao vivo e em alta resolução todos os eventos do UFC (Ultimate Fighting Championship) – a maior competição de artes marciais mistas (MMA) do mundo –, ao todo 32 edições em 2012. Transmite também os maiores eventos nacionais de MMA ao vivo como Jungle Fight, Shooto, Bitetti Combat, Max Fight e muitos outros.

 

Há ainda intensa programação com atrações produzidos pelo UFC, exibidos com exclusividade no Brasil, como UFC Unleashed, Countdown, The Ultimate Fighter (o reality show TUF), UFC Ultimate Insider e The Best of Pride. Produções próprias sobre o mundo das lutas também têm seu espaço, com o Passando a Guarda, Revista Combate e o Ponto Final. Ao todo 12 programas são exibidos pelo canal.

 

O Combate também está na web, no Twitter e Facebook, com informações atualizadas sobre tudo o que acontece no mundo das lutas, programação e promoções exclusivas para os seus seguidores. Hoje conta com quase 1 milhão de seguidores em suas redes sociais e a sua editoria, no site do SporTV, bate recordes de acessos.

O Combate é comercializado através das operadoras de TV por assinatura NET, SKY, Oi, Claro e GVT.